Seleção Brasileira Feminina de Handebol abre ciclo olímpico no III Torneio Quatro Nações

O ciclo olímpico para Tokyo 2020 vai começar, de vez, para a Seleção Brasileira Feminina de Handebol. A equipe disputa, a partir desta sexta-feira (9), o Torneio Quatro Nações em São Bernardo do Campo, contra Chile, Portugal e República Dominicana.

A Seleção ainda está sob o comando do treinador interino Sérgio Graciano, já que o permanente –um estrangeiro– está bem encaminhado, mas não pode ser revelado em função do vínculo com um clube.

Mesmo assim, as 21 convocadas já encaram com seriedade o torneio. Afinal, ele serve como preparação para a competição mais importante do semestre, o Pan-americano de Handebol, que começa em 18 de junho, em Buenos Aires, e vale vaga para o Mundial da Alemanha, em dezembro.

A estreia brasileira no Quatro Nações será contra as chilenas, nesta sexta-feira (9), às 21h. No dia seguinte, as anfitriãs enfrentam as dominicanas, às 18h. E o último confronto será diante das portuguesas no domingo, dia 11, às 9h30.

O momento marca o começo de um novo trabalho, com atletas experientes –como a goleira Babi e a armadora Eduarda Amorim– dividindo espaço com jovens jogadoras. Vêm por aí duas boas competições para testar a equipe até a disputa do Mundial.

Confira as convocadas:

Goleiras – Bárbara Arenhart, Gabriela Moreschi e Jéssica Silva de Oliveira

Armadoras Amanda de Souza Caetano, Bruna de Paula, Deonise Fachinello, Eduarda Amorim, Mariane Cristina Oliveira Fernandes e Patrícia Batista da Silva

Centrais – Ana Paula Rodrigues Belo, Danielle Cristina Joia e Mayara Fier de Moura

Pontas – Dayane Pires da Rocha, Jéssica Quintino, Larissa Fais Munhoz Araujo, Larissa Inae da Silva, Mariana Costa e Samira Rocha

Pivôs – Regiane dos Santos Silva, Tamires Anselmo Costa e Tamires Morena de Araújo

Comente aqui

Related Posts